próximo texto

  • Autor desconhecido
    A riqueza e a pobreza

    Um dia um pai de família rica decidiu ensinar ao seu filho como é bom ser rico. Resolveu levar o garoto para viajar para o interior e mostrar como é difícil a vida de pessoas pobres.
    Eles passaram um dia e uma noite num pequeno sítio de uma família muito pobre. Quando retornaram da viagem o pai perguntou ao filho: - Como foi a viagem? - Muito boa, papai! - Você entendeu a diferença entre a riqueza e a pobreza? - Sim. - E o que você aprendeu? Perguntou o pai. O filho respondeu: - Eu vi que nos temos um cachorro em casa. Eles têm quatro. Nós temos uma ...
    CONTINUE LENDO...

  • Carlos Bernardo González Pecotche (Raumsol)
    O papel do professor no combate à timidez na infância e na adolescência

    A timidez reflete um estado de abatimento do ânimo que inibe o ser em seu trato com os demais, prejudicando quase sempre o valor das próprias aptidões, que ficam diminuídas e até negadas pela coibição que ele experimenta tanto ao falar como ao atuar. O complexo psicológico da pessoa escravizada por esta falha está demarcado pelo efeito sugestionante e atormentador que o olhar alheio produz sobre seu ânimo, efeito que se traduz em temor ao fracasso, ao ridículo, ao desacerto; temor de não saber expressar com exatidão aquilo que pensa ou sente, no qual toma parte muito ... CONTINUE LENDO...

  • cadê eu?

    Cadê eu? perguntava-me.
    E quem respondia era uma estranha que me dizia fria e categoricamente: tu és tu mesma. Aos poucos, à medida que deixei de me procurar fiquei distraída e sem intenção alguma. Eu sou hábil em formar teoria. Eu, que empiricamente vivo. Eu dialogo comigo mesma: exponho e me pergunto sobre o que foi exposto, eu exponho e contesto, faço perguntas a uma audiência invisível e esta me anima com as respostas a prosseguir. Quando eu me olho de fora para dentro eu sou uma casca de árvore e não a árvore. Eu não sentia prazer. ...
    CONTINUE LENDO...

  • Autor desconhecido
    Árvore dos desejos

    Uma vez um homem estava viajando e, acidentalmente, entrou no Paraíso. No conceito indiano de Paraíso, existe a árvore dos desejos. Você simplesmente senta debaixo dela, deseja qualquer coisa e imediatamente seu desejo é realizado - não há intervalo entre o desejo e sua realização. O homem estava cansado, e pegou no sono sob a árvore dos desejos. Quando despertou, estava com muita fome, então disse: "Estou com tanta fome, desejaria poder conseguir alguma comida de qualquer lugar." Imediatamente apareceu comida vinda do nada - simplesmente uma deliciosa comida ... CONTINUE LENDO...

  • Roberto Shinyashiki
    Supere suas barreiras

    Para realizar nossas metas precisamos vencer vários tipos de obstáculos que a vida nos impõe. Barreiras como falta de dinheiro, falta de tempo, excesso de estresse, entre outras dificuldades que põem à prova a nossa força de vontade e nos fazem dar ainda mais valor às nossas conquistas. Dificilmente algo que não demandou suor e empenho gerará prazer igual à conquista de algo que nos deixou diversas noites sem dormir. Portanto, busque ver nas barreiras impostas pela vida algo que lhe fortalecerá e transformará a realização de seus sonhos em algo ainda mais especial. ... CONTINUE LENDO...

  • Fabrício Carpinejar
    NÃO EXISTE DIA RUIM

    Não existe dia ruim. Sempre há chance do dia ser feliz. Mesmo que seja tarde. Mesmo que seja de madrugada. Uma gentileza salva o dia. Um bife milanesa salva o dia. Uma gola branca e engomada salva o dia. Uma emoção involuntária salva o dia. Nunca o dia está inteiramente perdido. Não devemos acreditar que uma tristeza chama a outra, que se algo acontece de errado tudo então vai dar errado. Lei de Murphy não foi aprovada pela Câmara dos Deputados.
    Confio no improviso, na casualidade, no movimento das cortinas na janela. Até o último minuto antes da meia-noite, você pode ...
    CONTINUE LENDO...

  • Jean de La Fontaine
    O leão e o rato

    Certo dia, estava um Leão a dormir a sesta quando um ratinho começou a correr por cima dele. O Leão acordou, pôs-lhe a pata em cima, abriu a bocarra e preparou-se para o engolir. - Perdoa-me! - gritou o ratinho - Perdoa-me desta vez e eu nunca o esquecerei. Quem sabe se um dia não precisarás de mim? O Leão ficou tão divertido com esta ideia que levantou a pata e o deixou partir. Dias depois o Leão caiu numa armadilha. Como os caçadores o queriam oferecer vivo ao Rei, amarraram-no a uma árvore e partiram à procura de um meio para o transportarem. Nisto, apareceu o ... CONTINUE LENDO...

  • Maria Madalena O. Junqueira Leite
    Anatura

    Era uma vez uma jovem chamada Anatura. Ela vivia sozinha em uma grande casa no alto de uma montanha. A casa era rodeada de árvores, flores, além de doces e mansos animaizinhos, todos seus amigos, com os quais costumava brincar sempre que podia. Anatura se dividia entre o trabalho no escritório de uma grande empresa - a alguns quilômetros dali - e o serviço de casa. Isso a deixava muito cansada. Um dia ela resolveu arrumar quem a ajudasse. E, a exemplo de Branca de Neve, convidou seus amiguinhos para viverem com ela – o que poderia ser uma grande ajuda. Eles gostaram muito da idéia. Havia ... CONTINUE LENDO...

  • Paulo Roberto Gaefke
    Limites

    Qual o seu limite para sonhar e realizar objetivos em sua vida? Nenhum. O limite é você quem impõe. Você é a única pessoa que pode colocar restrições nos seus desejos. Veja que as grandes realizações do nosso século aconteceram quando alguém resolveu vencer o impossível... Nas navegações, encontramos um Colombo determinado a seguir viagens pelo mar, mesmo estando cansado de ouvir que o mar acabava e estava cheio de monstros terríveis. Santos Dumont, foi taxado de louco tantas vezes que nem mais ligava para os comentários, até fazer subir seu 14 ... CONTINUE LENDO...

  • Autor desconhecido
    Tales de Mileto

    Um sofista se aproximou de Tales de Mileto, um dos Sete  Sábios da Grécia Antiga, e intentou confundi-lo com as perguntas mais difíceis.  Porém o Sábio de Mileto esteve à altura da prova porque respondeu a todas as  perguntas sem a menor vacilação e assim mesmo com a maior exatidão. 1 - Qual é a coisa mais  antiga? -- Deus, porque sempre tem existido. 2  - Qual é a coisa mais  formosa? -- O Universo, porque é obra de Deus. 3  - Qual é a maior de  todas as coisas? -- O Espaço, porque contém todo o Criador. 4  - Qual é a coisa mais  constante? -- A ... CONTINUE LENDO...