próximo texto

  • Um dia você aprende

    Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se. E que companhia nem sempre significa segurança. Começa a aprender que beijos não são contratos e que presentes não são promessas. Começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança. Aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. Depois ... CONTINUE LENDO...

  • Paulo Angelim
    Aceite as contrariedades

    Vamos admitir, logo de saída: detestamos as contrariedades; se pudermos, evitamos à todo custo situações que nos contrariem. Segundo o minidicionário Ruth Rocha, contrariedade significa contra tempo, desgosto. Diante desses significados fica fácil entender porque, naturalmente, fugimos à condição de contrariados (ainda segundo o dicionário, descontentes, aborrecidos, zangados). É natural imaginarmos que as pessoas prefiram não receber oposição aos seus pensamentos ou vontades e desejos. Mas, infelizmente, ou felizmente, não é assim que o ... CONTINUE LENDO...

  • Dr. Tom Chung
    A Divindade dos Homens

    Uma velha lenda hindu conta que, numa época imemorial, todos os homens da Terra eram deuses, mas os homens pecaram e abusaram tanto do Divino que Brahma, o deus de todos os deuses, decidiu que a divindade fosse retirada dos homens e escondida em algum lugar onde jamais fosse encontrada. Um dos deuses disse: "Então vamos enterrá-la profundamente na terra". Brahma replicou: "Não o homem pode escavar a terra até encontrá-lo". Outro deus disse: "Então, vamos jogá-lo no oceano mais profundo". Brahma não concordou: "Não, o homem aprenderá a mergulhar e um dia vai ... CONTINUE LENDO...

  • Autor desconhecido
    Os três pedidos

    Perto de morrer, um homem fez três pedidos: 1) Que seu caixão fosse carregado pelos melhores médicos da época. 2) Que os tesouros que tinha, fossem espalhados pelo caminho até seu tumulo. 3) Que suas mãos ficassem no ar, fora do tumulo e a vista de todos. Alguém surpreso perguntou: Quais são os motivos? Ele respondeu: 1) Eu quero que os melhores médicos carreguem meu caixão, para mostrar que eles não têm o poder de curar na face da morte. 2) Quero que o chão seja coberto pelos meus tesouros, para que todos possam ver que os bens materiais aqui conquistados, aqui ... CONTINUE LENDO...

  • Autor desconhecido
    Avance sempre

    Na vida as coisas, às vezes, andam muito devagar. Mas é importante não parar. Mesmo um pequeno avanço na direção certa já é um progresso, e qualquer um pode fazer um pequeno progresso. Se você não conseguir fazer uma coisa grandiosa hoje, faça alguma coisa pequena. Pequenos riachos acabam convertendo-se em grandes rios. Continue andando e fazendo. O que parecia fora de alcance esta manhã vai parecer um pouco mais próximo amanhã ao anoitecer se você continuar movendo-se para frente. A cada momento intenso e apaixonado que você dedica a seu ... CONTINUE LENDO...

  • Flávio Gikovate
    O respeito para com o outro

    A maioria das pessoas se diz respeitosa e não o é na prática mais elementar da vida cotidiana, quando o seu próprio linguajar é permanentemente autoritário. Algumas outras criaturas aprenderam a se comportar de modo mais respeitoso; estas parecem que conseguem dialogar com pessoas que pensam de modo diferente, colocar ponderadamente seus argumentos e ouvir os do seu interlocutor. Mas no íntimo se tornam irritadiços (e isto às vezes transparece) e seus diálogos interiores são sempre de desprezo pelo modo de pensar do outro, visto como burro ou desonesto. Não é nada fácil ... CONTINUE LENDO...

  • William J. Bennett
    O Rei Alfredo

    Na Inglaterra, há muitos anos, reinava um monarca chamado Alfredo, homem sábio e justo, foi um dos melhores reis que o país já teve. Até hoje, séculos depois, ainda é conhecido como Alfredo, o Grande. A época do seu reinado era de dias difíceis para a Inglaterra. O país foi invadido pelos ferozes dinamarqueses, que haviam cruzado o mar. Havia tantos invasores, tão fortes e audazes, que durante muito tempo ganharam quase todas as batalhas. Se continuassem assim, logo seriam os senhores do país inteiro. Afinal, após tanta luta, o exército inglês estava combalido e ... CONTINUE LENDO...

  • Rubem Alves
    Reflexões

    O que as pessoas mais desejam é alguém que as escute de maneira calma e tranqüila. Em silêncio. Sem dar conselhos. Sem que digam: "Se eu fosse você". A gente ama não é a pessoa que fala bonito. É a pessoa que escuta bonito. A fala só é bonita quando ela nasce de uma longa e silenciosa escuta. É na escuta que o amor começa. E é na não-escuta que ele termina. Não aprendi isso nos livros. Aprendi prestando atenção. CONTINUE LENDO...

  • C.Torres Pastorino
    Não permaneça preso ao passado

    Não permaneça preso ao passado nem a recordações tristes. Não remexa uma ferida que está cicatrizada. Não revolva dores e sofrimentos antigos. O que passou, passou. Deste momento em diante, procure construir uma vida nova, na direção do alto, caminhando para a frente, sem olhar para trás. Faça como o sol que se ergue a cada novo  dia, sem lembrar-se da noite que passou. CONTINUE LENDO...

  • Autor desconhecido
    Quem decide por mim?

    Um colunista conta uma estória em que acompanhava um amigo à uma banca de jornais. O amigo cumprimentou o jornaleiro amavelmente, mas como retorno recebeu um tratamento rude e grosseiro. Pegando o jornal que foi atirado em sua direção, o amigo do colunista sorriu polidamente e desejou um bom fim de semana ao jornaleiro. Quando os dois amigos desciam pela rua, o colunista perguntou: - Ele sempre te trata com tanta grosseria? - Sim, infelizmente foi sempre assim... - E você é sempre tão polido e amigável com ele? - Sim, procuro ser. - Por que você é ... CONTINUE LENDO...