Reflexão

Mãe se disfarçou de pai para que o filho não se sentisse sozinho na festa da escola

Criar um filho sozinha é uma tarefa difícil: a mãe se encontra sobrecarregada e, além de precisar se virar em mil para dar conta das responsabilidades dela e de outra pessoa, ainda se angustia com os efeitos da ausência paterna.

As festas escolares de dia dos pais podem ser um momento de tristeza para a criança com pai ausente – uma lembrança da falta do pai. A americana Whitney Kittrell, que cria o filho sozinha, encontrou uma solução criativa para essa situação e compartilhou sua experiência no facebook:

O filho de Whitney chegou em casa e contou a mãe que sua escola faria uma festinha para comemorar o dia dos pais. A mãe do menino não queria ver seu pimpolho de fora da confraternização, então, teve a ousada idéia de se vestir de pai e ir na festa:

“Quando me tornei mãe solteira, há mais de 3 anos, fiz uma promessa a mim mesma de que faria tudo o que pudesse, mesmo que isso significasse sair da minha zona de conforto, para dar aos meus filhos uma vida normal.” contou Whitney.

“Vesti o meu melhor traje de pai, pintei alguns pelos faciais e fui para a escola com o meu filho. Eu estava tão envergonhada, mas não pude deixar de sorrir quando ele me apresentou aos seus pequenos amigos dizendo: Esta é a minha mãe…ela é o meu pai também, e por isso eu a trouxe para a festa.”

A história rapidamente se tornou viral com a mãe ganhando a admiração de muitas pessoas. E como podemos ver nas fotos do evento, o menino achou divertido a mãe aparecer vestida de pai. Ele também conseguiu comparecer na festa, curtindo bons momentos ao lado de sua “pãe”.

E era apenas isso que importava para Whitney: ver a alegria do seu filho.

Fonte

single.php

Mensagens do Bem

Que tal se inscrever na nossa news e receber mensagens transformadoras em primeira mão, no seu email?

© 2019 Refletir para Refletir.Todos os direitos reservados.