Reflexão

Pai conforta homem que acidentalmente atropelou sua filhinha

Na vida coisas horríveis acontecem, fatalidades.

Em Curitiba Haghatta, uma menininha de 10 anos, foi atropelada. A criança estava jogando bola e, quando a bola rolou para o outro lado da rua, a menina saiu para procura-lá quando foi atingida pelo veículo.

O motorista correu para prestar socorro. Segundo as autoridades, não houve violação das leis de trânsito, nem mesmo excesso de velocidade.

O motorista estava em choque e chorava compulsivamente, a culpa tomou conta de seu coração. O jovem homem estava inconsolável. De repente outro homem surge para consolar o motorista, o abraçando. Este homem era o pai da criança:

“Vi sinceridade no coração dele, não era hora de brigar, tínhamos que nos abraçar e nos ajudar “

O momento chamou a atenção e emocionou a todos.

“Eu não tenho que te perdoar. Bateu na minha filha porque queria? Não foi porque eu quis. Foi uma fatalidade. Então tudo que eu peço a você, do fundo do meu coração, é que você ore. Ore por minha filha, para que ela saia bem e sobreviva”.

Veja o vídeo do seu abraço sincero.

Haghatta foi imediatamente encaminhada para Hospital Evangélico, com uma perna quebrada, bacia machucada e sem alguns dentes devido ao impacto da colisão. Graças a Deus ela se recuperou ficou bem!

fonte

fonte2


Gostou? Deixe um comentário abaixo! Sua opinião é muito importante para nós e possibilita a edição de assuntos voltados cada vez mais para os seus interesses.

Comentários

* Pergunta anti-Spam,

O seu email não será publicado. Campos com * são obrigatórios ;)

single.php

Mensagens do Bem

Que tal se inscrever na nossa news e receber mensagens transformadoras em primeira mão, no seu email?

© 2019 Refletir para Refletir.Todos os direitos reservados.