Reflexão

Pamela Anderson aceita rosto natural com rugas e rejeita cirurgias: “Quero me ver velha”

A atriz, escritora e ativista americana Pamela Anderson foi um ícone da beleza nos anos 90: estrela do seriado S.O.S. Malibu, se tornou uma figura icônica ao correr para salvar vidas com seu lendário maio vermelho.

Com sua aparência admirada por pessoas no mundo todo, Pamela não sentia que era tudo isso “ Nunca me senti uma grande beldade, nunca” confessou a atriz à revista Playboy.

Ela sempre se manteve humilde e com os pés no chão.

Apesar da atriz continuar escutando como era linda quando jovem ela não se deixa abalar por este tipo de comentário e aceita suas rugas, rejeitando as cirúrgias plásticas. Pamela sabe que sua juventude já passou mas a aparência madura também é bela, cheia de história e sabedoria.

“Muitas mulheres que eram ícones de beleza clássicos lutaram contra o envelhecimento. Não acho que seja difícil para mim e não quero cair nessa . Não quero fazer todas essas coisas malucas comigo mesma “, disse ela sobre as cirurgias ao Page Six.

Pamela também evita cirurgias plásticas para não deixar de se reconhecer no espelho, por conta dos procedimentos que podem alterar os traços do rosto. Ela se diz curiosa para saber como será sua aparência nos próximos anos:

“Mal posso esperar para me ver velha. Eu sempre disse que me reconheceria quando me olhasse no espelho. Quero que meu cabelo fique naturalmente grisalho” declarou.

A atriz também se arrependeu do silicone que colocou nos seios em sua juventude, retirando as próteses. Ela se sente melhor com sua versão original.

“Eu gosto de desmontar o estereótipo, o ‘símbolo sexual’, ‘ícone’, como você quiser chamar. É apenas a ponta do iceberg. Há muito mais em uma pessoa do que uma palavra”, ponderou. “E acho que esse tem sido meu projeto agora […] deixar as pessoas saberem que tenho muito mais a oferecer e que há muito mais pela frente. Este é apenas o começo da minha vida, eu sinto. Sinto que passei por tudo isso por um motivo e agora estou livre disso. E agora, o que vier a seguir será ótimo e nos meus termos” desabafou ao site WWD.

“É divertido envelhecer. É um alívio” concluiu.

Fonte

Fonte 2

© 2012 - 2023 Refletir para Refletir.Todos os direitos reservados.