Reflexão

Vaca se tornou ama de leite de sete cãezinhos órfãos que perderam a mãe

O agricultor indiano Hanumantha Saali, morador da vila de Lingsugur, estava preocupado com uma ninhada de cãezinhos: A dog do homem (e mãe dos filhotes) havia falecido ao dar à luz e seus filhos estavam famintos.

Então Hanumantha decidiu improvisar mamadeiras mas elas não eram suficientes – ele tinha medo dos bebês morrerem por não receberem a alimentação adequada.

Mas a curiosidade dos pequenos foi a salvação.

Hanumantha tinha uma vaca e, como o caso ocorreu na Índia, por lá as bovinas são animais sagrados. O status da vaquinha concedeu a ela diversas regalias no sítio: Ela era mantida em uma estrebaria protegida do calor e do vento, um lugar afastado dos demais animais.

Os bebês caninos, mesmo subnutridos, continuavam sapecas e saíram em uma missão de exploração. Ao se aproximarem da vaquinha, foram imediatamente aceitos: ela se deitou com eles no gramado.

Rapidamente os bichinhos descobriram que a vaca possuía leite e eles decidiram se alimentar naquela gigante gentil. A vaca adotou todos aqueles bebês fofos.

Os doguinhos cresceram fortes e serelepes graças ao alimento fornecido pela mãe adotiva. Hoje eles já não precisam mais do leite da vaca mas fazem visitas constantes a mãe do coração.

Os sete cãezinhos passaram a receber ração assim que a vaca começou a incentivá-los a comer pasto.

O elo criado por essa relação materna continua forte e provavelmente durará por toda a vida.

fonte1

fonte2

single.php

Mensagens do Bem

Que tal se inscrever na nossa news e receber mensagens transformadoras em primeira mão, no seu email?

© 2019 Refletir para Refletir.Todos os direitos reservados.