Reflexão

10 Hábitos japoneses que todos deveriam seguir

O Japão é uma nação longeva, organizada e harmoniosa. Os hábitos dos cidadãos explicam estas virtudes tão admiradas pelo resto do mundo. Claro que não existe nenhum país perfeito, mas existem certas atitudes japonesas que são grandes exemplos para outros países. Por isso, o site Japão em Foco divulgou uma lista com 10 hábitos japoneses que deveriam ser copiados por todos nós, espia:

 imagem da publicacao

1. Tirar os sapatos ao chegar em casa

Em praticamente todas as residências japonesas você verá o genkan, uma espécie de degrau abaixo da entrada principal. Os japoneses costumam tirar os sapatos, deixa-los no genkan e entrar na casa apenas de meias ou com chinelos especiais, que só são usadas no interior da residência. Esse hábito ajuda a evitar possíveis contaminações trazidas da rua, além de manter a casa mais limpa.

 imagem da publicacao

2. Agradecer antes e depois das refeições

Os japoneses tem o costume de iniciar a sua refeição com a palavra “Itadakimasu” (いただきます), que seria uma forma de agradecimento a todos aqueles que, direta e indiretamente, contribuíram para aquele prato de comida chegar a mesa. Ao terminar de comer, eles dizem a frase “Gochisōsama deshita” (ごちそうさまでした), que pode ser traduzido como “Obrigado por esta refeição”.

 imagem da publicacao

3. Usar máscaras hospitalares

Durante o ano todo, percebemos um grande número de pessoas usando máscaras hospitalares, seja por causa de alergias, viroses ou resfriados. Muitos podem estranhar o hábito, mas ele ajuda a proteger a população do contágio de doenças.

 imagem da publicacao

4. Fazer ginástica antes de iniciar o trabalho

Os japoneses costumam fazer uma ginástica matinal coreografada antes do trabalho chamada de Radio Taiso. Seria uma espécie de aquecimento para o corpo começar o dia bem. Também é comum em escolas antes do início das aulas e podemos ver muitos adultos e idosos fazendo ginástica taiso em parques, ao ar livre.

5. Não jogar lixo na rua

No geral os japoneses se preocupam em não sujar as ruas por onde passam, portanto, quando não encontram lixeiras pelo caminho eles costumam levar o lixo consigo e descarta-lo em casa. Como no Japão não há funcionários de limpeza (gari) e são os próprios moradores locais que se revezam para catar o lixo e fazer a limpeza nas ruas, cada cidadão procura fazer a sua parte, contribuindo para o bem estar de todos.

 imagem da publicacao

6. Ajudando na limpeza

Nas escolas, os alunos ajudam a limpar a sala de aula e nas fábricas e empresas são os próprios funcionários que se encarregam da limpeza, incluindo o banheiro. Já nas residências, os integrantes da família cuidam da limpeza. Ter empregada doméstica e babás não é uma coisa comum no Japão e por isso a família toda procura contribuir de alguma forma nos afazeres domésticos.

 imagem da publicacao

7. Separar o lixo

No Japão, se você descartar um saco de lixo misturado, é certo de que os vizinhos deixarão um adesivo bem grande dizendo para fazer a separação correta.

Como consequência, sua reputação perante a vizinhança não ficará nada boa. Dá trabalho?

No início sim, por pura falta de costume, mas depois de se tornar um hábito você acaba achando “moleza”. É um esforço que vale a pena.

A sociedade japonesa é bem organizada e rigorosa em relação à coleta e separação de lixo. Tudo é devidamente separado como papelão, isopor, plásticos, garrafas PET,  garrafas de vidro, latas de alumínio, etc.

Desta forma, é possível fazer uma reciclagem eficiente, reaproveitando ao máximo e evitando o desperdício.

 imagem da publicacao

8. Recolher o cocô do cachorro

No Japão, raramente acontece dos proprietários de animais deixarem dejetos por onde passam e as pessoas levam seus cães para passear munidos de um saquinho e uma pazinha, para recolher o cocô.

 imagem da publicacao

9. Usar bicicleta como meio de transporte

Os japoneses usam a bicicleta pra tudo: ir ao mercado, levar os filhos para a escola ou ir ao trabalho. Além de ajudar a reduzir o tráfego de carros nas ruas, também é um transporte ecologicamente correto e um hábito que ajuda a combater o sedentarismo.

 imagem da publicacao

10. Ter bons hábitos alimentares

A fama da longevidade dos japoneses está basicamente em sua alimentação, composta por muitas verduras, legumes e peixes, inclusive no café da manhã. Outro grande hábito alimentar japonês é o chá verde, consumido diariamente. O chá verde é muito benéfico para a saúde pois é rico em antioxidantes e nutrientes que ajudam a reduzir as taxas de colesterol, pressão arterial e os riscos de obesidade.


Gostou? Deixe um comentário abaixo! Sua opinião é muito importante para nós e possibilita a edição de assuntos voltados cada vez mais para os seus interesses.

Comentários (12)

  1. Adorei essas dicas e com certeza vou começar já a incorpora no meu dia dia, a dos sapatos já havia incorporado mas a qualidade vou fazer mais que depressa e a de tomar chá verde, Obrigada por compartilhar.

  2. Sou Moçambicana- Maputo.
    Muito obrigada pela informaçao , felizmente tenho seguido alguns itens, irei melhor ainda mais com esta informação. Obrigada

  3. Concordo inteiramente com os hábitos dos japoneses. Em casa tento que a família chegue a casa e descalce os sspatos que trazem da rua mas só consigo que o façam na zona dos quartos. Em relação ao lixo são mais compreensíveis

    e com os cães limpamos todos os dejectos da rua. Mas ainda nos falta muito para chegsr á perfeição dos japoneses.

  4. Sobre os (atos alimentares)!?
    Tudo é de acordo com as condições do Brasileiro o governo não ajuda as pessoas se alimentar melhor.
    No Japão o governo exija educação do lixo nas rua porque paga multa. No Brasil? O governo não liga…
    Tira sapato antes de entrar em casa!? A gente foi criado de maneira natural.. Se mandar algum amigo tirar os sapatos para entrar! é um sinal que você vai perder o seu amigo, ele vai achar ofendido…
    E sobre ajudar nas tarefas da limpeza!? Vai depender de cada um… O Brasileiro? Alguns!? Se faz que não está vendo.
    Tudo vai depender com educação….. Principal quem poderia educar! Era o governo.

    1. Sra. Francisca Cleide da Silva o governo deve se responsabilizar por manter uma produção agrícola saudável – não é o caso do Brasil onde os agrotóxicos imperam -, mas no quesito escolha de alimentos ele nada tem a ver com o que decidimos comprar e ingerir, essa é uma escolha nossa;
      No Japão eles não jogam lixo nas ruas porque são ensinados a não fazerem isso desde mto pequenos – dever dos pais, não da escola – e tb porque eles mesmos LIMPAM as ruas e não os garis como acontece aqui;
      Eu sempre tirei meus sapatos antes de entrar em casa e todos os que vêm a minha casa fazem o mesmo ou não entram nela, peço por favor e eles entendem;
      Eu passei a ajudar espontaneamente nas tarefas domésticas a partir dos doze anos, todos os dias limpava a casa para minha mãe após chegar da escola e ela jamais pediu, mas eu fazia porque achava que era meu dever já que habitava nela tb;
      Quem deve educar – repetindo o que disse acima – não é o governo ou a escola mas sim os pais – educação se recebe em casa, instrução na escola.

  5. Deus me agraciou e me presentou para fazer parte dessa cultura, pois ela é enraizada e admirada e eu entendo que tudo que admiramos queremos fazer igual. Amo de paixão o meu BRASIL, mas tenho muito da cultura dos meus ancestrais.

* Pergunta anti-Spam,

O seu email não será publicado. Campos com * são obrigatórios ;)

single.php

Mensagens do Bem

Que tal se inscrever na nossa news e receber mensagens transformadoras em primeira mão, no seu email?

© 2019 Refletir para Refletir.Todos os direitos reservados.