Reflexão

O método dos Japoneses para ter foco e perseverança

Ao entrar na casa de alguns japoneses, você vai se deparar com bonecos caolhos que não seriam a primeira opção de decoração de uma pessoa normal, os Darumas:

Os Darumas não são apenas bonecos emburrados, eles possuem um significado muito interessante: são uma espécie de post it milenar, um lembrete de objetivos a serem alcançados.

Ao ganhar um Daruma, a pessoa em questão escolhe um objetivo a alcançar e pinta apenas um olho do boneco deixando o outro olho em branco para representar seu compromisso na conclusão de sua meta. O hábito é colocar o boneco em local visível para que a pessoa se lembre sempre de sua meta e corra atrás do seu desejo. Enquanto o dono do Daruma não realizar seu objetivo, o boneco permanece incompleto. Após realizar sua conquista, a pessoa completa o outro olho do Daruma e escreve na parte de trás do boneco o que realizou.

A posição arredondada permite que o boneco nunca tombe e está relacionada ao conceito da paciência, perseverança e ao provérbio japonês: “Caia 7 vezes, levante-se 8”.

O Daruma também é usado como um importante instrumento para ensinar crianças em idade escolar a importância de se estabelecer metas para alcançar objetivos.

Com o boneco dos desejos você define 3 etapas: objetivo, ação e resultado. O Daruma representa valores como comprometimento e perseverança pois além de uma boa dose de energia positiva, é essencial determinação e atitude.

Existe toda uma lenda japonesa ( um pouco bizarra) por trás do Daruma:

Era uma vez um monge que decidiu passar apenas míseros 9 anos em uma caverna meditando em busca da iluminação. Esse monge estava determinado a alcançar seus objetivos e não queria dormir no processo, o que é totalmente compreensível. Então, ele decidiu fazer o que qualquer pessoa normal faria: arrancou as próprias pálpebras para não cair no sono. Como se isso não fosse suficiente, o pobre teve seus braços e pernas atrofiados com o passar dos anos. O boneco representa a silhueta do monge em meditação profunda, em estado de paciência, perseverança e obstinação.

Apesar da lenda do Daruma não ser a história que você escolheria para contar aos seus filhos antes de dormir, ela representa o que os japoneses chamam de “Espírito Ganbaru”. Ganbaru é um dos verbos mais utilizados no Japão, significando o total comprometimento com uma tarefa. Ou seja, não importa o tipo de barreira que você encontre, é preciso dar o melhor de si e oferecer todo o seu potencial.

Outra regra: É importante que o boneco seja recebido de presente e jamais comprado diretamente pela pessoa que deseja fazer o pedido.

Já que pela tradição japonesa os Darumas precisam ser dados como presente, então, deixo o daruma abaixo como meu presente para você. Imprima quantos quiser 🙂

O processo para usar um boneco Daruma é simples:

  1. Defina um objetivo a cumprir;
  2. Pinte um dos olhos do Daruma;
  3. Coloque o Daruma em local visível e trabalhe todos os dias para que seu objetivo virar realidade;
  4. Quando a meta for alcançada, pinte o outro olho e escreva o objetivo que você alcançou na parte de trás do seu Daruma.

Fonte: Caçadores de lendas

Dicionário dos Símbolos


Gostou? Deixe um comentário abaixo! Sua opinião é muito importante para nós e possibilita a edição de assuntos voltados cada vez mais para os seus interesses.

Comentários

* Pergunta anti-Spam,

O seu email não será publicado. Campos com * são obrigatórios ;)

single.php

Mensagens do Bem

Que tal se inscrever na nossa news e receber mensagens transformadoras em primeira mão, no seu email?

© 2019 Refletir para Refletir.Todos os direitos reservados.