Sabe aquele medo que te paralisa, fazendo você antecipar desastres que nunca acontecem e perder oportunidades, escondendo a melhor versão de você mesmo? Em 5 passos vamos te mostrar os segredos para vencer esses medos que estão escondidos na sua cabeça! Espia:

 

1. ENTENDA O QUE É O MEDO

Você acha que o medo é sempre algo ruim? Então, te convido a ver o que a ciência diz a respeito do medo:
Medo basicamente é a resposta do seu organismo a algum estimulo que seu cérebro interpretou como uma situação de risco. Por exemplo, suponhamos que você esteja com espírito aventureiro e decida fazer uma trilha e, lá pelo meio do caminho, encontre uma onça: o que você iria sentir? Numa situação como essa o seu organismo começaria a ativar diversos mecanismos de defesa, como a elevação dos batimentos cardíacos e liberação de adrenalina, te pressionando a decidir imediatamente entre lutar ou correr (elevando as suas chances de sobrevivência, já que nessas situações o mais importante é tomar uma ação rápida). Então o medo não é necessariamente algo ruim, ele te coloca em estado de alerta para tomar decisões em momentos de risco.

como-vencer-seus-medos

2. VEJA O MEDO DE UMA FORMA REALISTA

Filmes, novelas e outras formas de entretenimento geralmente pintam as pessoas corajosas como seres acima do medo, inatingíveis. Mas, na contra mão disso, já vimos que a ciência nos diz que o medo é um sentimento natural de todos os seres humanos. Então, será que essa visão sobre a coragem que vemos na TV não está distorcida?

Não se sinta mal por ter medo, ninguém admite mas todo mundo tem! Medo é natural e sempre vai estar presente na sua vida, querendo ou não. O importante é não deixar ele te paralisar.

como-vencer-seus-medos

3. DO QUE VOCÊ TEM MEDO?

Essa pergunta é fundamental e precisa ser respondida com sinceridade. Ás vezes nós não realizamos metade do que podemos fazer porque simplesmente vivemos fugindo das situações desconfortáveis sem perceber que , na verdade, estamos com medo dessas situações. E infelizmente a maioria de nós faz isso a vida inteira. Então, enquanto você não descobrir quais são seus medos, vai continuar fugindo de todas as oportunidades de mudança. Lembre-se sempre: o medo está na sua cabeça.

espiritual

4. REEDUQUE SEUS PENSAMENTOS

Tirando situações extremas, como o exemplo anterior do confronto com uma onça, os nossos maiores medos moram na nossa cabeça: a forma como pensamos sobre eles é que faz toda a diferença. Vamos a outro exemplo, suponhamos que 2 pessoas tenham medo de falar em público e ambas precisem se apresentar para um grande número de pessoas:

A pessoa número 1 se sente insegura, pensa que isso não é pra ela ou que esse não era o momento certo e fica se lamentando: acaba desmotivada, procurando nem pensar no assunto. Sempre que lembra do evento se sente angustiada, mas não faz nada a respeito.

A pessoa número 2, no primeiro momento,  também se sente insegura mas pensa: se outras pessoas podem eu também posso! Ela vai atrás de informações para melhor se apresentar, tentando enxergar a situação como um desafio. Apesar do medo ela luta contra pensamentos negativos, se obrigando a uma visão otimista. Tenta, busca, treina e se debate para vencer o que lhe assusta.

E aí, qual dessas duas pessoas você acha que vai se sair melhor? Toda a diferença começou na cabeça de cada um.
Mas é claro que reeducar os próprios pensamentos é um desafio e tanto! Uma dica: comece cortando frases autodepreciativas do seu vocabulário 😉

A frase abaixo, de Margaret Thatcher, resume tudo que foi dito nesse parágrafo:

“Cuidado com seus pensamentos, pois eles se tornam palavras.
Cuidado com suas palavras, pois elas se tornam ações.
Cuidado com suas ações, pois elas se tornam hábitos.
Cuidado com seus hábitos, pois eles se tornam o seu caráter.
E cuidado com o seu caráter, pois ele se torna o seu destino.
O que nós pensamos, nos tornamos

como-vencer-seus-medos

5. ENFRENTE SEUS MEDOS

Você já sabe o que te assusta? Perfeito, já é meio caminho andando. Agora é só correr pro abraço e, com otimismo, enfrentar os seus medos!! Vale muito a pena, sabe porque? Esse é um segredinho que ninguém conta: A coragem é um círculo vicioso, tal qual a covardia. Cada vez que você fizer algo que julgava não conseguir fazer, vai sentir sua esperança, dignidade e coragem mais fortes. E a cada desafio você se sentirá mais confiante, pronto para enfrentar desafios cada vez maiores.

Então, o que estamos esperando? Vamos juntos enfrentar nossos medos?


Gostou do nosso editorial? Deixe um comentário abaixo! Sua opinião é muito importante para nós e possibilita a edição de assuntos voltados cada vez mais para os seus interesses.

Tags: